FETRANSUL alerta: carros particulares estão entregando alguns produtos do e-commerce

O presidente da FETRANSUL, Afrânio Kieling, e o vice-presidente do SETCERGS, Sérgio Mário Gabardo, se reuniram na última semana com o secretário de Logística e Transportes do Rio Grande do Sul, Juvir Costella, na sede da secretaria. O objetivo dos representantes das entidades do setor de transporte de cargas e logística foi tratar de dois temas que tem preocupado os transportadores.

O primeiro é uma situação que vem acontecendo não apenas no Estado, mas em todo país: o fato de algumas grandes redes varejistas estarem contratando “transportadores clandestinos” para entregar determinados produtos do e-commerce, que cresceu muito durante a pandemia.

Segundo Kieling, é um problema tanto para as transportadoras profissionais e regularizadas, que sofrem uma concorrência desleal, quanto para o governo gaúcho, que deixa de arrecadar : “Queremos solucionar juntos, federação e secretaria, todas as questões de infraestrutura e, neste momento em especial, uma situação que está acontecendo com mais frequência: algumas entregas de e-commerce que estão sendo feitas com carros particulares em detrimento ao setor de transportes. Há algumas grandes magazines e redes de lojas que, em vez de contratarem empresas de transporte regulares e em dia com suas obrigações e pagamento de impostos, estão contratando veículos particulares para fazer as entregas, sem seguro, sem absolutamente nada dentro da lei. É um tema que começa a nos preocupar porque está nascendo um negócio paralelo ao setor e que foge totalmente ao controle das autoridades. Quer dizer, as transportadoras organizadas tem que cumprir uma série de obrigações, enquanto os carros particulares não tem nenhum tipo de registro para prestar esse serviço. Então, nós viemos conversar com o secretário Juvir Costella sobre essa situação, que aliás ele desconhecia. Ele se mostrou bem acolhedor ao nosso pleito. Vamos entregar alguns ofícios para ele. O objetivo é construir pontes para buscar, juntos, soluções para o Estado e para o nosso setor de Logistica”.

Outro assunto debatido foram as Autorizações Especiais de Trânsito (AETs), que são as licenças necessárias para um veículo ou uma combinação de veículos utilizados no transporte de carga que não se enquadrem nos limites de peso e dimensões estabelecidos pelo Conselho Nacional de Trânsito (CONTRAN). A AET pode ser concedida pela autoridade com circunscrição sobre a via (DAER, DNIT, DERs, Municípios). “Estes documentos demoram muito para serem liberados, o que complica o nosso serviço. Viemos apenas expor a dificuldade ao secretário para ver se, juntos, conseguimos agilizar o processo. Queremos dar continuidade ao bom relacionamento com o setor”, explicou Gabardo. O secretário Juvir Costella afirmou às entidades que a secretaria vai dar a devida atenção e agilidade aos temas e se colocou à disposição da FETRANSUL para novas reuniões.

Fonte: FETRANSUL

Entidades


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite