Rio de Janeiro vê potencial logístico para cargas entre Porto do Açu e Porto do Rio

Foto: Abratec/Multiterminais

A partir de junho, empresas do Norte Fluminense poderão transportar contêineres e cargas do Porto do Açu, em São João da Barra, norte do Estado, para o Porto do Rio. Segundo a Secretaria estadual de Desenvolvimento Econômico, Energia e Relações Internacionais, a nova rota vai impulsionar a produção da região.

Um primeiro acordo foi fechado entre o Porto do Açu e a Norsul, empresa especializada no transporte de granéis e neo-granéis de cabotagem e de longo curso, que vai permitir o transporte de placas de granito até o Porto do Rio a partir de junho.

O acordo foi intermediado pelo secretário Lucas Tristão e pelo Departamento de Recursos Minerais (DRM-RJ). O potencial do negócio é de US$ 45 milhões por ano, com o transporte de 55 mil toneladas de chapas de granito.

“Isso consolida o Estado do Rio como um importante hub portuário, oferecendo uma alternativa para o setor logístico brasileiro, responsável pela movimentação de bens e insumos fundamentais”, avalia o secretário.

Um dos setores beneficiados pela integração será o de rochas ornamentais, mas outros produtos também poderão utilizar a via.

“A integração entre os dois vai facilitar a exportação de rochas ornamentais do Rio, atendendo a uma demanda antiga do segmento”, explica Giovanni Frigeri, presidente do DRM-RJ, acrescentando que o Estado tem potencial para tornar-se um dos maiores exportadores de rochas ornamentais do país.

Fonte:


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite