Transportadora do Rio Grande do Sul se destaca em projetos de logística de alta complexidade

Atuação da empresa será fundamental para o Projeto Star, um dos maiores investimentos de São Paulo

Fazer logística de alta complexidade é a expertise da DiCanalli Transportes Internacionais. A empresa, de origem familiar e com sede em Passo Fundo, no norte gaúcho, atua no ramo há quase 21 anos. “Alguns projetos ganham as manchetes dos jornais, mas esta é a nossa rotina: transportar cargas especiais, que exigem uma logística muito cuidadosa e delicada”, explica o diretor-administrativo da empresa, Isonyr Bianchini DiCanalli.

Na semana passada, a empresa começou a transportar vários equipamentos de Paranaguá (PR) até Lençóis Paulista (SP), onde está localizado o Projeto Star, da Bracell, grande fabricante de celulose. O projeto é um dos maiores investimentos privados do Estado de São Paulo nos últimos 20 anos, com valor total estimado em R$ 8 bilhões. A nova fábrica da Bracell vai aumentar a capacidade produtiva de 250 mil toneladas ao ano para 1,5 milhão de toneladas ao ano. A DiCanalli vai levar, ao todo, 110 peças, com larguras entre 6 e 8 metros e peso entre 30 e 75 toneladas.

O processo é semelhante ao de outro grande projeto de duplicação de planta de celulose, o Puma II, da Klabin, na cidade de Ortigueira (PR). Neste caso, segundo o diretor, o de logística e transporte começou em junho e já está em 80%. A empresa gaúcha ainda vai participar de um terceiro projeto especial em 2020, que vai exigir a logística de alta complexidade e que deve começar em dezembro, com viagens de Minas Gerais para São Paulo. Nos três casos, a DiCanalli foi contratada da finlandesa Valmet, multinacional fornecedora de tecnologias, sistemas e serviços de automação para indústrias de celulose, papel e energia.

Segundo DiCanalli, por causa do tamanho especial das peças e equipamentos e para garantir a segurança de todos, 80% das viagens exigem escolta privada ou das polícias rodoviárias. Mesmo em meio à pandemia, para ampliar sua capacidade de atendimento, a empresa investiu cerca de R$ 9 milhões em sua frota de veículos, que são específicos para a logística e o transporte de alta complexidade.

Isonyir Bianchini DiCanalli é presidente do Sindicato das Empresas de Transporte de Carga do Planalto (SETRACAP) e vice-presidente da FETRANSUL. A empresa também é associada ao SETCERGS. 

Fonte: FETRANSUL

Transportadoras


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite