QUAL O GRANDE DIFERENCIAL DA SUA EMPRESA, MÁQUINAS OU PESSOAS?

Os caminhões de hoje estão muito avançados, a tecnologias embarcada nos surpreende, sim já temos caminhões autônomos em teste rodando pelo mundo a fora, talvez pela infraestrutura de nossas rodovias demore um pouquinho, mas já está batendo a nossa porta. Eu posso dizer que a evolução do caminhão é gigantesca, pois tive o prazer de acompanhar isso na prática, viajei por 10 anos com um caminhão de fabricação do ano de 1970, que não tinha direção hidráulica, ar condicionado, cabine leito, espaço interno, muito menos câmbio automático, nem freio estacionário, usava o famoso calço de madeira, e se eu for mencionar tudo que esse caminhão não tinha vamos ter uma grande lista.

Hoje o caminhão tem computador de bordo, direções elétricas ou hidráulicas, câmbio e piloto automático, ar condicionado, vidros e retrovisores elétricos, porta objetos, cabines leitos com cama, espaço para o motorista ficar de pé no seu interior, faróis inteligentes, regulagem de freios automáticas, telemetria que geram relatórios para os gestores analisar o modo de condução do motorista, e para que ele conduza esse caminhão da melhor maneira possível com segurança e maior produtividade.

Diante dessa tecnologia embarcada nos caminhões, vejo empresários investirem milhões na renovação de suas frotas, o valor de um conjunto rodo-trem pode chegar próximo de um milhão de reais dependendo do modelo do cavalo mecânico e de seu implemento, mas será que essa empresa vai investir 1% do valor dessa máquina no ser humano que vai opera-la? Conversando com alguns empresários tive a percepção que na visão deles, basta investir em um caminhão com alta tecnologia embarcada e tudo está resolvido, o ser humano é visto como um objeto. Por mais que a máquina evoluiu, nós ainda precisamos muito do ser humano, pois é ele que programa essa máquina.

Nos anos 70 a máquina era o diferencial das empresas, nos anos 80 a qualidade, nos 90 os processos e certificações como a ISO, e nos anos 2000 a tecnologia da informação, mas hoje tudo isso está mais acessível a todas as empresas, máquinas, processos, certificações, tecnologia, seja por preços mais acessíveis ou por linhas de créditos. Então a empresa que tinha tudo isso a seu favor, tinha vantagens sobre o seu concorrente, mas agora todos têm, e nós vivemos em um mercado altamente competitivo, e aí ! o que podemos fazer ?

Podemos concluir que hoje a maior riqueza de uma empresa são as pessoas, na atualidade o diferencial de uma empresa é o capital humano, não precisamos somente de mão de obras, mas sim, de cérebros de obras, precisamos de pessoas comprometidas, criativas e que vestem a camisa da empresa, que trazem novas ideias e que zelam pelo patrimônio dessa organização. A empresa que souber investir em seus colaboradores com cursos treinamentos de aperfeiçoamentos, investir no bem-estar do seu funcionário e de seus familiares, entender que a vida do funcionário não começa quando ele chega na empresa e termina quando ele sai no portão, oferecer bonificações por metas, criar programas que valorize pela meritocracia, oferecer planos de saúde e uma remuneração de acordo, para que ele se sinta valorizado e retribuir com um bom . A empresa que colocar isso na prática vai sair na frente de seus concorrentes, porque não existe máquina moderna nenhuma que produza com qualidade e rentabilidade, quando o colaborador que a opera se sente desmotivado.

Referência bibliográfica

https://trucao.com.br/8-tecnologias-para-o-futuro-dos-caminhoneiros/

Fonte:


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite