Scania reúne mulheres para debater a presença feminina no mercado

A Scania reuniu cerca de 40 convidadas, entre executivas, jornalistas e empresárias, para debater a presença das mulheres no mercado, especialmente no setor de transporte de cargas e de passageiros. O encontro, com o objetivo de mostrar a importância da diversidade de gêneros nas organizações, trouxe a gestão feminina em pauta e a forma que estas líderes conseguem enfrentar os desafios das diversas carreiras, fazendo a diferença em seus negócios.
 
O Queen of the Road é o primeiro evento para mulheres do setor, organizado por uma marca de caminhões, motores e ônibus, na América Latina.
 
O debate foi direcionado por Suzana Soncin, presidente do Consórcio Nacional Scania; Tupiara Scortegagna, Master Driver da Casa Cavese, uma das concessionárias Scania de Santa Catarina; e Beatriz Setti Braga, Diretora Executiva da Metra e do Grupo ABC.
 
As mulheres nos negócios Scania
 
Suzana Soncin atua na Scania há mais de 25 anos. Nesse período, adquiriu experiência nas áreas industriais e nos últimos cinco anos esteve nas operações comerciais. Desde 2016 a executiva está à frente de toda a operação do Consórcio Nacional Scania, como presidente.
 
Criado em 1982, o Consórcio Nacional Scania foi o primeiro no ramo de veículos pesados. Em todos esses anos, já contemplou mais de 80 mil clientes com caminhões, chassis de ônibus e motores, tornando-se uma referência no setor de transportes pesados no País. Desde 1997 passou a fazer parte do grupo Scania Latin America, administrado pela Scania Administradora de Consórcios Ltda., tornando-se um importante vetor de vendas da marca.
 
A modalidade tem se mantido como uma das principais alternativas para o cliente planejar a renovação e o crescimento da sua frota.
 
“Uma cota contemplada gera uma grande oportunidade de negócios, e por isso o consórcio se mantém muito forte. Trazemos também como benefício parcelamento do bem em até 100 meses, sem juros e sem entrada, taxa de administração de 12,5% diluída no prazo da cota, financiamento mais barato disponível no mercado e taxas competitivas, com custo financeiro muito menor do que se o cliente recorresse a um empréstimo”, explica Suzana.
 
O consórcio é uma opção bem procurada por clientes que planejam o aumento ou a renovação da frota, investindo a cada mês. A modalidade também se torna atrativa para os que queiram repassar um veículo usado para um agregado ou para um parceiro. O empresário que faz esse planejamento de longo prazo sabe que a cada parcela paga está construindo um fundo de caixa, e no final, terá 100% do valor disponível.
 
“É muito prazeroso estar à frente de uma instituição tradicionalmente comandada por homens, em um setor prioritariamente masculino. Conquistei o meu espaço com a minha formação, minha capacidade técnica conhecendo muito bem o segmento, em união com toda a experiência adquirida nesses anos de mercado. Não é uma questão de gênero, mas sim, esforço e capacidade”, celebra a executiva.
 
Capacitação feminina na boleia
 
Faz parte da cultura Scania oferecer produtos e serviços que atendam todas as necessidades de seus clientes. O conceito de olução em transporte utilizado pela marca envolve um item de suma importância para o transportador obter o máximo de rendimento de seu veículo: a capacitação de motoristas. Sabendo dessa necessidade, a marca desenvolveu o programa de treinamento Master Driver, oferecido por profissionais em mais de 110 pontos do país, por meio da rede de concessionárias. Tupiara Scortegagna é a primeira e a única Master Driver do sexo feminino na Scania, atuando na Cavese, concessionária localizada em Santa Catarina.
 
Esse treinamento é oferecido aos transportadores em todas as entregas de novos veículos. O Master Driver passa instruções ao cliente e pode, até mesmo, acompanhar o motorista durante uma viagem para oferecer uma orientação mais completa.
 
“A função do Master Driver vai muito além de instruções para os condutores iniciantes. Serve também para os que já têm anos de estrada e dirigem bem o veículo. Após o treinamento, eles conseguem identificar diversos fatores que podem tornar a operação mais segura e rentável. Na maioria das vezes ocorre uma ironia inicial dos clientes ao perceberem que essa orientação será fornecida por uma mulher”, conta Tupiara.
 
Desde outubro do ano passado as atividades dos Master Drivers Scania foram expandidas, com o lançamento do Driver Services, uma solução de condução econômica, que visa a evolução dos conhecimentos e habilidades dos condutores. Essa novidade conta com os dados reais da operação, por meio dos Serviços Conectados, e é composta por três etapas: Treinamento, Driver Support e Driver Coaching.
 
Embora o sistema conte com as melhores tecnologias disponíveis no mercado, com os mesmos níveis de sistemas oferecidos na Europa, a Scania acredita que para algumas etapas de aprendizagem a presença humana faça toda a diferença, portanto, incluiu a orientação e conhecimentos dos Master Drivers nesse novo serviço tecnológico.
 
O Treinamento consiste em uma orientação focada em condução econômica, que pode ser realizada individualmente ou em grupo, dependendo da opção do cliente. O objetivo é orientar os participantes sobre as maneiras de direção mais eficientes e que resultem na redução do consumo de combustível do veículo, podendo chegar em torno de 10% em relação à média anterior a esta primeira formação. Com esse serviço de treinamento e orientação contínua, o cliente passa a ter um conjunto de fatores que levarão a uma operação mais rentável, entre eles, de combustível, minimização do desgaste de peças e componentes e, consequentemente, a redução da parada para manutenção.
 
Cliente sempre em primeiro lugar
 
Historicamente, a Scania pratica com seus clientes um nível de relacionamento diferenciado no mercado do transporte, tanto de cargas quanto de passageiros. Neste evento, a representante dos usuários de um Scania é Beatriz Setti Braga, que atua no segmento de ônibus. No formato do Queen of the Road para a imprensa sempre há uma compradora da marca.
 
O ano de 2017 trouxe ótimos resultados para a divisão de ônibus da Scania. Com 522 unidades vendidas, entre urbanos e rodoviários, a marca alcançou crescimento de 80% durante os dozes meses em relação ao desempenho de 2016. Nesse mesmo intervalo, a média de crescimento do mercado ficou em 4%. Em 2017, a marca fechou com 40% de participação nas vendas do segmento . O mesmo valor também representa a comercialização de chassis 8×2 com carrocerias de 15 metros. A expectativa para 2018 é que este nicho do segmento rodoviário continue sendo a principal atuação da marca na divisão de ônibus.
 
Casa Natura Musical
 
O debate feminino promovido pela Scania foi realizado na Casa Natura Musical, em São Paulo.
 
A escolha do local ocorreu devido a Natura ser uma empresa que tem como principal foco a mulher. Além de ser uma marca com compromisso com a cultura, a sustentabilidade e o fomento da produção musical.
A proposta da Casa é de uma conexão privilegiada por meio da música com o público. Ao despertar emoções, ocupa o mesmo espaço de sensorialidade dos seus produtos e inicia o tipo de experiência sinestésica. A marca busca aproximar o consumidor por meio de experiências prazerosas, ampliando seu contato com a beleza em toda a sua diversidade.

Fonte:


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite