Demandas dos transportadores de cargas chegaram em Brasília

Reivindicações do Transporte de Cargas (TRC) de Santa Catarina foram apresentadas pelo Sitran Chapecó ao Governo Federal, em Brasília. Durante audiência mantida com o secretário Especial de Previdência e Trabalho, do Ministério da , Rogério Marinho, foram levadas demandas que se não atendidas comprometem seriamente o desenvolvimento da atividade.

 

Sitran demandas do transporte

Os documentos reivindicatórios foram entregues pelo assessor jurídico do Sindicato das Empresas de Transporte de Carga e Logística de Chapecó, Ariel Silva, e pela executiva do Sitran, Keily Machado. Ambos representaram também a Federação catarinense das Empresas de Transporte de Carga e Logística – Fetrancesc.

A audiência com o secretário Marinho mais o diretor de programas, Felipe Mêmolo Portela e equipe técnica da Secretaria, foi intermediada e contou com apoio e participação do deputado federal, Celso Maldaner. Outros parlamentares de Santa Catarina também estão atentos as pautas do setor de transportes. Entre eles a deputada federal, Caroline De Toni, o deputado federal Darci de Matos e o senador Jorginho Mello.

Vários pleitos foram protocolados, todos em benefício dos transportadores de Chapecó, Oeste e de Santa Catarina. Um deles é a necessária revisão de textos de Normas Regulamentadoras (NRs) do Ministério do Trabalho que causam transtornos e prejuízos a categoria econômica. Com substanciosas argumentações verbais, o advogado procurou sensibilizar o secretário a encaminhar e agilizar providências.

Silva disse que o titular da secretaria pediu estudos técnicos relacionados às demandas apresentadas. Isso servirá de subsídio ao trabalho da equipe técnica e “já está sendo devidamente encaminhado”. Como os pedidos foram “muito bem recebidos” o assessor acredita que as solicitações sejam equacionadas com a rapidez exigida.

Fonte:


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite