COFEM/SC define novas bandeiras do setor produtivo

Além de um ofício protocolado no Centro Administrativo, para o Governador Carlos Moisés, na última segunda-feira, 12 de agosto, o Conselho das Federações Empresariais de Santa Catarina (COFEM/SC) também definiu novas bandeiras para o setor produtivo. A primeira delas, no que tange o Poder Executivo Federal, é a infraestrutura: problemática que atinge a todos os setores, direta ou indiretamente, até o consumidor final.

52a3cc83111d695c7cf6bb305bdcff75e7fb6e1d

                    Foto: FETRANCESC

“De Norte à Sul do País, de Leste à Oeste de SC, a realidade é a mesma. Fizemos um levantamento, por exemplo, com os sindicatos do Sistema Fetrancesc e identificamos situação pior do que se pode imaginar quanto ao estado das rodovias”, enalteceu o líder do Transporte de Cargas catarinense, Ari Rabaiolli, após a reunião do Cofem/SC desta segunda-feira.

Ainda na esfera do Poder Executivo Federal, o Cofem pretende tratar da revisão das NRs, redução da máquina pública, seguranças da informação e pública, lei de proteção de dados, além de simplificar, facilitar e reduzir os custos nos processos administrativos, especialmente licenciamentos e alvarás.

Já no Poder Legislativo (Câmara dos Deputados e Senado Federal), a proposta é de atuar em prol das Reformas da Previdência, Tributária e . O grupo também defenderá a recuperação judicial, os incentivos fiscais (ICMS), licenciamentos, fortalecimento das competências estaduais e municipais em matéria ambiental.

Em paralelo a isso, o Cofem/SC também atuará, nas competências do Poder Judiciário, em defesa dos Royalties de Petróleo de SC, nas áreas consolidadas – aplicação do Código Florestal – e na consolidação da Reforma Trabalhista.

 

Fonte:


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite