Painel destaca alternativas aos caminhões para o transporte de cargas

O tema do último painel da Santos Export Brasil 2018 abordou os diferentes meios de transporte de cargas, com novos acessos rodoviários, as hidrovias, a logística portuária, além das ferrovias nos Brasileiros. Participaram do debate o diretor da Agência Nacional de Transportes Aquaviários (Antaq), Adalberto Tokarski, o presidente da Bandeirantes e Deicmar, Washington Flores, e o gerente da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Thiago Martorelly. 

O diretor da Antaq apresentou um plano para utilizar os rios navegáveis de Santos para o transporte de contêineres por meio de barcaça. Para defender seu projeto, Tokarski citou a dependência do Porto em relação ao transporte de caminhões, que ficou mais nítida durante a paralisação dos caminhoneiros.

 “Durante a greve, o Porto não parou por causa dos trens e das barcaças. Esse é um momento em que deve existir uma reflexão. Nós temos um risco de ficar muito no ”.

 

Clique aqui e coninue lendo a matéria. 

Fonte:


Desenvolvido por Controle Online - Desenvolvimento de aplicativos

Hospedado por Go Infinite