Flat Preloader Icon
Participe da quarta edição do Seminário Itinerante 2024, em Fortaleza

Participe da quarta edição do Seminário Itinerante 2024, em Fortaleza

A quarta edição de 2024 do Seminário Itinerante será recepcionada pela FETRANSLOG-NE – Federação das Empresas de Transporte de Cargas e Logística do Nordeste, pelo SETCARCE – Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística no Estado do Ceará e pelo Núcleo da COMJOVEM Nordeste, em Fortaleza, no dia 23 de agosto, às 13h30.

O Seminário Itinerante nasceu, há 20 anos, com o objetivo de levar a NTC&Logística para vários pontos do país, promovendo a capacitação técnica e oportunidades de negócios aos empresários e executivos do setor de Transporte de Cargas e Logística.

A programação é composta de temas relevantes e que impactam diretamente as atividades das empresas. A organização do evento conta com o apoio da COMJOVEM.

Cumprindo a missão da NTC&Logística de estar junto ao transportador RODOVIáRIO de cargas, de Norte a Sul do país, o Seminário foi realizado em diversos estados ao longo dos últimos 20 anos.

O evento será realizado presencialmente, na sede do SETCARCE (BR-116 – Km 8 – No 3151 – Messejana – Fortaleza – CE), aberto a todos os empresários da região, que contribuem para um TRC cada vez mais forte.

Programação Preliminar

13h30 às 14h – Credenciamento

14h às 14h20 – Abertura

· Eduardo F. Rebuzzi – Presidente da NTC&Logística

· José Arlan S. Rodrigues – Presidente da FETRANSLOG-NE

· Marcelo Maranhão – Presidente do SETCARCE

· André de Simone – Coordenador Nacional da COMJOVEM

· Hudson Rabelo – Vice-Coordenador Nacional da COMJOVEM

· Leonardo Barreira Maranhão – Coordenador do Núcleo da COMJOVEM do Nordeste

14h20 às 14h30 – Momento Parceiros da NTC

· MERCEDES-BENZ

· FENATRAN

· FUMTRAN

14h30 às 14h50 – Apresentação da NTC/COMJOVEM

· Palestrante: André de Simone – Vice-Presidente Extraordinário para Assuntos dos Jovens Empresários da NTC&Logística e Coordenador Nacional da COMJOVEM

14h50 às 15h50 – Palestra Técnica – Tema: Alteração do biodiesel e impactos negativos na manutenção das frotas

· Palestrante: Glauber Brasileiro

15h50 às 16h10 – Momento Parceiros da NTC

· AUTOTRAC

· SISTEMA TRANSPORTE

16h10 às 17h – Palestra: Dificuldades na contratação de mão de obra qualificada

· Palestrante: Sistema Transporte

17h às 18h – Palestra a confirmar

18h – Encerramento

O evento é uma realização da NTC&Logística; das entidades anfitriãs, FETRANSLOG-NE e SETCARCE; do Núcleo da COMJOVEM Nordeste e dos Sindicatos filiados.

Patrocínio: Autotrac, Fenatran e Mercedes-Benz.

Apoio Institucional: Sistema Transporte (CNT / SEST SENAT / ITL) e FuMTran.

Apoio Logístico: Braspress.

Faça já sua inscrição, clicando aqui.

4a edição do Fórum ITL de Inovação do Transporte já tem duas grandes empresas confirmadas

4a edição do Fórum ITL de Inovação do Transporte já tem duas grandes empresas confirmadas

Fórum acontecerá no dia 9 de outubro, em Brasília

Duas grandes empresas brasileiras já confirmaram a sua participação no próximo Fórum ITL de Inovação do Transporte (FIT). A Braspress, uma das maiores empresas de transportes de encomendas do Brasil, e a Águia Branca, que tem mais de 330 linhas de ônibus e transporta aproximadamente 11 milhões de passageiros por ano, estarão na 4ª edição do Fórum para apresentar os seus cases sobre práticas ESG.

Venha participar do debate sobre o futuro do setor de transporte no próximo FIT, que acontecerá no dia 9 de outubro, em Brasília. É possível participar presencialmente ou online, acompanhando pelo canal da CNT no Youtube. Clique aqui e faça a sua inscrição.

O FIT

O Fórum é uma iniciativa do Instituto de Transporte e Logística (ITL), em parceria com a CNT e o SEST SENAT, para fomentar a discussão e a troca de conhecimentos sobre ferramentas e tendências inovadoras e tecnológicas aplicáveis ao setor de transporte.

Em uma sessão especial, o FIT vai abordar a governança, com foco na sucessão familiar. A transição bem-sucedida de liderança dentro de empresas familiares é fundamental para garantir a continuidade, a sustentabilidade dos negócios e as estratégias para preparar a próxima geração de líderes no setor de transporte.

Por meio de cases de sucesso, o Fórum vai trazer organizações públicas e privadas que estão liderando o caminho na implementação de práticas ESG no transporte, além de destacar seus desafios, sucessos e lições aprendidas.

As inscrições já estão abertas, e as vagas são limitadas. Inscreva-se agora mesmo.

Então, anote na sua agenda:

Fórum ITL de Inovação do Transporte

  • Data: 9 de outubro, das 9h às 17h
  • Local: presencial (em Brasília) ou ao vivo, pelo canal da CNT no YouTube
Boletim de Recuperação de Rodovias Federais – 22/07/2024

Boletim de Recuperação de Rodovias Federais – 22/07/2024

Atualização de status dos trabalhos no Rio Grande do Sul

O Ministério dos Transportes informa que, uma vez que os trabalhos no Rio Grande Sul avançaram até um momento de estabilidade, os boletins de atualização deixarão de ser emitidos de segunda a sexta-feira. As atualizações serão feitas, a partir de agora, em caso de mudanças sensíveis do cenário de liberação de rodovias no estado.

Confira os dados de monitoramento das rodovias federais consolidados nesta segunda-feira (22/07) entre Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), Secretaria Nacional de Transporte e concessionária com rodovias federais sob responsabilidade da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

INTERDIÇÃO TOTAL: 1 trecho em 1 rodovia federal

BR-116, no trecho

• km 174

INTERDIÇÃO PARCIAL: 16 trechos em 5 rodovias federais

BR-116, nos trechos

• km 134; km 160; km 170; km 175; km 181; km 190; km 232.

BR-287, no trecho

• km 312

BR-290, nos trechos

• km 102; km 104.

BR-386, no trecho

• km 297

BR-470, nos trechos

• km 186; km 191; km 192; km 194 ao km 201; km 262.

Já foram liberados 124 trechos em 11 rodovias federais que cortam o Rio Grande do Sul. Neste momento, 13 trechos estão em obras ou com serviços para liberação das pistas e não há segmentos liberados somente para veículos de emergência.

Mercado aumenta previsão da inflação de 4% para 4,05% em 2024

Mercado aumenta previsão da inflação de 4% para 4,05% em 2024

Projeção de expansão da economia é de 2,15% este ano, diz BC

A previsão do mercado financeiro para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) – considerado a inflação oficial do país – teve aumento, passando de 4% para 4,05% este ano. A estimativa está no Boletim Focus desta segunda-feira (22), pesquisa divulgada semanalmente pelo Banco Central (BC) com a expectativa de instituições financeiras para os principais indicadores econômicos.

Para 2025, a projeção da inflação permaneceu em 3,9%. Para 2026 e 2027, as previsões são de 3,6% e 3,5%, respectivamente.

A estimativa para 2024 está acima da meta de inflação, mas ainda dentro de tolerância, que deve ser perseguida pelo BC. Definida pelo Conselho Monetário Nacional (CMN), a meta é 3% para este ano, com intervalo de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo. Ou seja, o limite inferior é 1,5% e o superior, 4,5%.

A partir de 2025, entrará em vigor o sistema de meta contínua; assim, o CMN não precisará mais definir uma meta de inflação a cada ano. Em junho deste ano, o colegiado fixou o centro da meta contínua em 3%, com margem de tolerância de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

Em junho, influenciada principalmente pelo grupo de alimentação e bebidas, a inflação do país foi 0,21%, após ter registrado 0,46% em maio. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em 12 meses, o IPCA acumula 4,23%.

Juros básicos

Para alcançar a meta de inflação, o Banco Central usa como principal instrumento a taxa básica de juros, a Selic, definida em 10,5% ao ano pelo Comitê de Monetária (Copom). A alta recente do dólar e o aumento das incertezas econômicas fizeram o BC interromper o corte de juros iniciado há quase um ano. Na última reunião, em junho, por unanimidade, o colegiado manteve a Selic nesse patamar após sete reduções seguidas.

De março de 2021 a agosto de 2022, o Copom elevou a Selic por 12 vezes consecutivas, em um ciclo de aperto monetário que começou em meio à alta dos preços de alimentos, de energia e de combustíveis. Por um ano, de agosto de 2022 a agosto de 2023, a taxa foi mantida em 13,75% ao ano, por sete vezes seguidas. Com o controle dos preços, o BC passou a realizar os cortes na Selic.

Antes do início do ciclo de alta, a Selic tinha sido reduzida para 2% ao ano, no nível mais baixo da série histórica iniciada em 1986. Por causa da contração econômica gerada pela pandemia de covid-19, o Banco Central tinha derrubado a taxa para estimular a produção e o consumo. A taxa ficou no menor patamar da história de agosto de 2020 a março de 2021.

Para o mercado financeiro, a Selic deve encerrar 2024 no patamar que está hoje, em 10,5% ao ano. Para o fim de 2025, a estimativa é que a taxa básica caia para 9,5% ao ano. Para 2026 e 2027, a previsão é que ela seja reduzida, novamente, para 9% ao ano, para os dois anos.

Quando o Copom aumenta a taxa básica de juros, a finalidade é conter a demanda aquecida, e isso causa reflexos nos preços porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Mas, além da Selic, os bancos consideram outros fatores na hora de definir os juros cobrados dos consumidores, como risco de inadimplência, lucro e despesas administrativas. Desse modo, taxas mais altas também podem dificultar a expansão da economia.

Quando o Copom diminui a Selic, a tendência é que o crédito fique mais barato, com incentivo à produção e ao consumo, reduzindo o controle sobre a inflação e estimulando a atividade econômica.

PIB e câmbio

A projeção das instituições financeiras para o crescimento da economia brasileira neste ano subiu de 2,11% para 2,15%. Para 2025, a expectativa para o Produto Interno Bruto (PIB) – a soma de todos os bens e serviços produzidos no país – é de crescimento de 1,93%. Para 2026 e 2027, o mercado financeiro estima expansão do PIB em 2%, para os dois anos.

Superando as projeções, em 2023 a economia brasileira cresceu 2,9%, com um valor total de R$ 10,9 trilhões, de acordo com o IBGE. Em 2022, a taxa de crescimento foi 3%.

A previsão de cotação do dólar está em R$ 5,30 para o fim deste ano. No fim de 2025, a previsão é que a moeda americana fique em R$ 5,23.

ANTT apresenta proposta de modernização contratual da BR-101 ao Fórum Parlamentar Catarinense

ANTT apresenta proposta de modernização contratual da BR-101 ao Fórum Parlamentar Catarinense

Também foram apresentadas propostas de obras para melhorar segurança e fluidez

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) participou, juntamente com a concessionária Arteris, do Fórum Parlamentar Catarinense, realizado em Itajaí e em São José (SC), nesta sexta-feira (19/7). O evento, aberto ao público, teve como principal objetivo discutir a otimização dos contratos de concessão da BR-101, abordando temas como segurança viária e práticas regulatórias aprimoradas para os usuários.

A BR-101, que atravessa 23 municípios, é a principal ligação entre São Paulo, Curitiba e o litoral de Santa Catarina, sendo um eixo vital para o desenvolvimento industrial e turístico da região, conhecido como Corredor do MERCOSUL. A inclusão de possíveis obras de mobilidade nos trechos concedidos também foi um ponto central das discussões.

O evento contou com a presença dos 16 deputados federais e três senadores que representam o estado de Santa Catarina no Congresso Nacional. Representantes da ANTT e da Arteris, atual concessionária da rodovia, também marcaram presença.

O diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale, destacou a importância da modernização dos contratos de concessão, enfatizando a necessidade de atualização frente ao desenvolvimento econômico e urbano da região. “O contrato firmado em 2007 não era flexível o suficiente para acomodar todas as transformações ocorridas. Por isso, elegemos Santa Catarina e a BR-101 como uma das prioridades da ANTT quando assumimos a gestão da Agência” afirmou Vitale.

Ele mencionou ainda que a otimização contratual visa equilibrar os interesses da concessionária, do governo e dos usuários, promovendo mais fluidez, segurança e investimentos na rodovia. Em sua fala, também destacou que as propostas incluem obras de resiliência climática e facilita a financiabilidade dos projetos, com uma distribuição mais equilibrada dos riscos.

Principais obras propostas

O Fórum Parlamentar Catarinense em Itajaí reforçou a necessidade de modernização dos contratos de concessão da BR-101, com foco em melhorias significativas na infraestrutura e segurança da rodovia. Nas semanas anteriores, o Fórum visitou outros municípios catarinenses, como Joinville e São José, para debater demandas relacionadas à BR-101. Esses encontros visam coletar subsídios e entender melhor as necessidades locais, preparando o terreno para as discussões em Itajaí. Estão previstos outros encontros, nos próximos dias, em mais municípios que usam a BR-101.

Entre as obras propostas, destaca-se a implantação de 113,18 km de faixas adicionais na BR-101/SC, BR-116/PR e BR-376/PR, além de passarelas e ruas laterais para segregar o tráfego local de longa distância, proporcionando mais segurança e fluidez.

Obras específicas em Joinville

Ruas Laterais na BR-101 – Segregação do tráfego local do trafego de longa distância, visando melhorar a segurança e evitar acidentes.

Passarelas – Instalação em pontos com alto índice de travessias de pedestres, aumentando a segurança.

Terceiras Faixas – Implantação de 32 km de faixas adicionais, do km 33 ao km 49, nos sentidos norte e sul.

Participe da quarta edição do Seminário Itinerante 2024, em Fortaleza

A quarta edição de 2024 do Seminário Itinerante será recepcionada pela FETRANSLOG-NE – Federação das Empresas de Transporte de Cargas e Logística do Nordeste, pelo SETCARCE – Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística no Estado do Ceará e pelo Núcleo da COMJOVEM Nordeste, em Fortaleza, no dia 23 de agosto, às 13h30.

O Seminário Itinerante nasceu, há 20 anos, com o objetivo de levar a NTC&Logística para vários pontos do país, promovendo a capacitação técnica e oportunidades de negócios aos empresários e executivos do setor de Transporte de Cargas e Logística.

A programação é composta de temas relevantes e que impactam diretamente as atividades das empresas. A organização do evento conta com o apoio da COMJOVEM.

Cumprindo a missão da NTC&Logística de estar junto ao transportador de cargas, de Norte a Sul do país, o Seminário foi realizado em diversos estados ao longo dos últimos 20 anos.

O evento será realizado presencialmente, na sede do SETCARCE (BR-116 – Km 8 – No 3151 – Messejana – Fortaleza – CE), aberto a todos os empresários da região, que contribuem para um TRC cada vez mais forte.

Programação Preliminar

13h30 às 14h – Credenciamento

14h às 14h20 – Abertura

· Eduardo F. Rebuzzi – Presidente da NTC&Logística

· José Arlan S. Rodrigues – Presidente da FETRANSLOG-NE

· Marcelo Maranhão – Presidente do SETCARCE

· André de Simone – Coordenador Nacional da COMJOVEM

· Hudson Rabelo – Vice-Coordenador Nacional da COMJOVEM

· Leonardo Barreira Maranhão – Coordenador do Núcleo da COMJOVEM do Nordeste

14h20 às 14h30 – Momento Parceiros da NTC

· MERCEDES-BENZ

· FENATRAN

· FUMTRAN

14h30 às 14h50 – Apresentação da NTC/COMJOVEM

· Palestrante: André de Simone – Vice-Presidente Extraordinário para Assuntos dos Jovens Empresários da NTC&Logística e Coordenador Nacional da COMJOVEM

14h50 às 15h50 – Palestra Técnica – Tema: Alteração do biodiesel e impactos negativos na manutenção das frotas

· Palestrante: Glauber Brasileiro

15h50 às 16h10 – Momento Parceiros da NTC

· AUTOTRAC

· SISTEMA TRANSPORTE

16h10 às 17h – Palestra: Dificuldades na contratação de mão de obra qualificada

· Palestrante: Sistema Transporte

17h às 18h – Palestra a confirmar

· Palestrante: Dr. Marcos Aurélio Ribeiro – Diretor Jurídico da NTC&Logística

18h – Encerramento

O evento é uma realização da NTC&Logística; das entidades anfitriãs, FETRANSLOG-NE e SETCARCE; do Núcleo da COMJOVEM Nordeste e dos Sindicatos filiados.

Patrocínio: Autotrac, Fenatran e Mercedes-Benz.

Apoio Institucional: Sistema Transporte (CNT / SEST SENAT / ITL) e FuMTran.

Apoio Logístico: Braspress.

Faça já sua inscrição, clicando aqui.